Sua Porta e Janela Tremem Quando Venta ou Passa um Carro na Rua?

Qualquer médico é capaz de nos olhar nos olhos, hoje em dia, e dizer: você precisa morar num lugar mais calmo. E quando eles dizem isso, uma das primeiras coisas que nos vêm à mente é “mudar para o campo”. Ok, alguns ainda pensam mais alto e imaginam-se morando numa bela casa, simples, perto da praia, numa aldeia de pescadores silenciosa e até bucólica. Certo… mas a verdade é que, por mais que saibamos que isso é verdade, a gente ainda precisa morar nas cidades, mesmo, não tem jeito. Bom… quem sabe morar numa rua mais tranquila? Já ajudaria.


E aí, seu pensamento é interrompido por um caminhão bi-trem carregadinho bem na sua rua. E você, do terceiro andar, sentiu tudo vibrar como se estivesse acontecendo um terremoto. As janelas e portas, de alumínio (é o material mais usado nos prédios de hoje), tremem tanto que você se prepara pra ver todos os vidros se quebrando dentro dos caixilhos – e a certeza é tanta que até já pensa na vassoura, na pá e se tem alguma caixa de leite longa-vida pra reunir os cacos e descartá-los. Aí o caminhão vai embora, a tremedeira vai diminuindo até finalmente parar. “Meu Deus do céu, quem pensou nas portas e janelas para a casa estava num dia ruim! Que má ideia! Parece que vai cair tudo!”

Vilão errado

Uma coisa é garantida: essas vibrações acontecem em qualquer lugar e em quase qualquer construção. Alguns países que sofrem terremotos com uma certa frequência, como o Japão, se especializaram em construções com “amortecedores”, que conseguem absorver essa trepidação do terreno e transferir o mínimo possível de energia para a construção sobre ele. No Brasil, ainda que já tenhamos visto alguns terremotos acontecendo, não são fortes, então nossas construções (ao menos as civis) não recebem nenhum tipo de preparo para esses tremores.

Janela de Alumínio Esctitório

Mas algumas coisas devem ser observadas. As casas térreas (construídas ao nível do solo) também sofrem com transportes pesados passando próximos a elas, mas a verdade é que, quanto mais altos estamos, mais o tremor se intensifica. Lembra-se dos terremotos no centro-oeste do Brasil que ocorreram há alguns anos? Pessoas que moravam nos primeiros andares nem sequer se deram conta de que estava acontecendo um terremoto, mas quem morava lá no nono andar achou que o prédio estava ruindo. O mesmo prédio! Logo: quanto mais alto, mais forte fica o tremor.

Outra coisa que faz diferença quando se escolhe portas e janelas para a casa: se vai optar por peças de alumínio, as linhas mais econômicas estão mais sujeitas a estes tremores, mesmo se instaladas em andar térreo. Se forem instaladas no segundo andar, tremerão mais ainda, e o desconforto será grande.

O que fazer, então?

Existem portas e janelas para casa feitas em alumínio e de diferentes níveis de robustez. Se você vai morar numa região onde o tráfego de veículos pesados é grande, então certamente sua casa receberá as oscilações vindas da pista e tudo vai tremer. Neste caso, opte por portas e janelas de alumínio de qualidade intermediária (linha Design) ou premium (linha Top), pois são mais robustas e reforçadas, o que ajuda a deter as vibrações, mesmo em andares superiores.

 

Agora, caso você consiga realizar o pedido do seu médico e ir morar no campo ou numa vila bucólica na praia, longe de tráfego pesado e confusões… aí as portas e janelas da linha econômica vão atender você maravilhosamente bem. 😉